China flag China: Ambiente de negócios

Contabilidade e regras contábeis na China

As regras contábeis

O ano fiscal
O ano fiscal começa a 1º de janeiro e termina a 31 de dezembro do mesmo ano.
As normas contábeis
As normas de contabilidade para as empresas são implementadas pelo Ministério das Finanças (MOF). A China promulgou seu primeiro conjunto de normas específicas de contabilidade em 1997 e o MOF publicou 13 normas mais específicas de contabilidade desde então.

As normas de contabilidade chinesas para as empresas comerciais (ASBEs) são obrigatórias para as empresas chinesas listadas. Outras empresas chinesas são encorajadas a aplicar as ASBEs, as quais estão alinhadas com o IFRS, exceto para algumas modificações que refletem as circunstâncias e ambiente da China. O país está comprometido a convergir com o IFRS.

 As empresas com investimento estrangeiro podem preparar demonstrações financeiras de acordo com outras normas contábeis ou em outras linguas para fins de consolidação global. No entanto, as autoridades apenas reconhecerão e aceitarão contas em chinês preparadas com base em normas contabilísticas chinesas.
Órganismos contábeis
CASC (em inglês)
CICPA (em inglês)
A estrutura das contas
O relatório de auditoria normalmente contém um parágrafo de definição da "tarefa" ou do "escopo" e um parágrafo de opinião. O parágrafo de opinião visa estabelecer se as contas foram preparadas de acordo com as leis e regulamentos apropriados. Todas as reservas constantes na opinião devem ser nela fundamentadas.

As demonstrações financeiras ou os relatórios devem incluir um balanço, as contas de ganhos e perdas, um relatório de margem bruta de autofinanciamento, notas sobre as contas e uma conta de apropriação de ganhos e perdas.

Para mais informações, consulte o site do China Accounting, que faz parte do Ministério das Finanças.

As obrigações de publicação
Publicação anual.
Órgãos profissionais
CICPA , Site do Instituto Chinês de Especialistas Contábeis (em inglês)
A certificação e a auditoria
De acordo com a lei chinesa, os escritórios de representação e as empresas com capitais estrangeiros devem contratar os serviços de contabilistas registrados na China para preparar a apresentação oficial de declarações financeiras anuais e de outros documentos financeiros especificados. Por conseguinte, apenas os contabilistas chineses e os gabinetes de contabilidade de empreendimentos conjuntos podem fornecer esses serviços. As empresas devem recorrer a um auditor-revisor para realizar anualmente uma auditoria da sua situação financeira. As empresas interessadas podem entrar em contato com o Escritório Nacional de Auditorias da China (CNAO, em inglês).
Informações contábeis

Return to top

Alguma observação sobre este conteúdo? Fale conosco.

 

© eexpand, todos os direitos de reprodução reservados.
Últimas atualizações em Outubro 2023