Chile flag Chile: Contexto político-econômico

Valores de comércio do Chile

Os números do comércio internacional

O Chile tem uma economia muito aberta, altamente dependente do comércio internacional, que representa cerca de 75% do seu PIB (últimos dados disponíveis). Em 2022, o país exportou principalmente cobre (que representou 45% das exportações), carbonatos (principalmente lítio, 8%), filetes de peixe e outras carnes de peixe (4%), pasta química de madeira (2,7%) e damascos, cerejas e pêssegos (2,5%). As importações envolveram óleos de petróleo (16,6%), veículos automóveis e outros veículos (5%), veículos automóveis para transporte de mercadorias (3,5%) e gás de petróleo (3,3% - dados Comtrade). No mesmo ano, o número de empresas exportadoras aumentou para 7.781, representando um aumento de 7% em relação a 2021. O setor da indústria transformadora registou o maior número de novos exportadores em 2022 (+456), seguido dos serviços (+33), da exploração mineira (+23), da pesca e da aquicultura (+9) e dos vinhos (+7).

Os principais parceiros exportadores do Chile em 2022 foram a China (39,4%), os Estados Unidos (13,9%), o Japão (7,6%), a Coreia do Sul (6,2%) e o Brasil (4,6%); enquanto as importações vieram principalmente da China (25,3%), dos Estados Unidos (20,9%), do Brasil (9,7%), da Argentina (5,8%) e da Alemanha (2,7% - dados Comtrade). Em 2022, as exportações do país foram dirigidas a um total de 194 destinos, tendo sido registados aumentos no valor dos envios em 126 destes. Os maiores aumentos em termos de valor exportado foram observados na China (US $ 4,437 bilhões), Coréia do Sul (US $ 1,333 bilhão), Japão (US $ 748 milhões), México (US $ 447 milhões), Bélgica (US $ 304 milhões), Peru (US $ 299 milhões), Costa Rica (US $ 286 milhões), Colômbia (US $ 271 milhões) e Índia (US $ 190 milhões - dados do Banco Nacional). O Chile assinou Acordos de Comércio Livre (ACL) com várias economias importantes, nomeadamente a União Europeia, os Estados Unidos, a China e a Coreia do Sul, e é membro da Aliança do Pacífico desde 2012 com o México, a Colômbia e o Peru. As suas vantagens económicas comparativas (receitas da exploração mineira, sector agrícola competitivo e contra-sazonal) permitiram-lhe aceder aos grandes mercados da América do Norte, da Europa e da Ásia-Pacífico (e recentemente a outros países da América do Sul, nomeadamente o Brasil). O Chile assinou igualmente um acordo de continuidade comercial com o Reino Unido, que assegura a manutenção das relações comerciais.

A balança comercial do Chile tem vindo a registar flutuações nos últimos anos. De acordo com os dados da OMC, em 2022, o Chile exportou bens no valor de 98,5 milhões de dólares, enquanto as suas importações se situaram em 104,5 milhões de dólares. As exportações e importações de serviços no mesmo ano ascenderam a 8,5 milhões de dólares e 22,9 milhões de dólares, respetivamente. No mesmo ano, o Banco Mundial estimou que a balança comercial do país era negativa em 3,7% do PIB (de -0,8% um ano antes). De acordo com os últimos dados do Banco Nacional, o intercâmbio comercial do Chile registado de janeiro a agosto de 2023 atingiu um montante total de 117,517 mil milhões de USD (FOB), um valor que apresentou uma variação negativa de 8,5% em relação ao mesmo período de 2022. As exportações totais ascenderam a 66,8 mil milhões de USD (dos quais 58,7% provenientes do sector mineiro), contra 68,2 mil milhões de USD de importações.

 
Valores de Comércio Exterior 20192020202120222023
Importações de bens (milhões de USD) 69.85559.20792.397104.52985.506
Exportações de bens (milhões de USD) 68.79474.02394.77598.54994.937
Importações de serviços (milhões de USD) 16.54713.02718.29123.35319.524
Exportações de serviços (milhões de USD) 8.4625.5545.9738.5299.866

Fonte: Organização Mundial do Comércio (OMC) ; Últimos dados disponíveis

Indicadores do comércio exterior 20182019202020212022
Comércio exterior (em % do PIB) 58,257,558,164,775,0
Balança Comercial (sem os serviços da dívida) (milhões de USD) 4.4093.01618.91710.4703.807
Balança Comercial (com os serviços da dívida) (milhões de USD) -2.933-5.06911.444-1.848-11.017
Importações de bens e serviços (crescimento anual em %) 8,6-1,7-12,331,80,9
Exportações de bens e serviços (crescimento anual em %) 4,9-2,5-0,9-1,41,4
Importações de bens e serviços (em % do PIB) 29,629,726,832,739,3
Exportações de bens e serviços (em % do PIB) 28,527,831,332,035,7

Fonte: Banco Mundial ; Últimos dados disponíveis

Previsões de comércio externo 20232024 (e)2025 (e)2026 (e)2027 (e)
Volume de exportações de bens e serviços (variação anual em %) 1,27,44,31,90,8
Volume de importações de bens e serviços (variação anual em %) -5,95,43,64,02,2

Fonte: IMF, World Economic Outlook ; Latest available data

Nota: (e) Dado estimativo

 
International economic cooperation
O Chile é membro de várias organizações internacionais e regionais. O país é membro da NU, OMC (Organização Mundial do Comércio), da OEA (Organização dos Estados Americanos), da ALADI (Associação Latinoamericana de Integração) e SELA (Sistema Econômico Latinoamericano). Desde de 2010, Chile faz parte da OCDE. Por outro lado, em 1976 o país foi retirado do Pacto Andino. Juntamente com o Perú, o Chile é o único país sul-americano que faz parte do Apec (Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico). Desde o começo dos anos 90, o país conduziu uma política de acordos comerciais regionais. Portanto, as companhias estrangeiras que queiram estabelecer um negócio no Chile para desenvolver a produção industrial podem ter acesso privilegiado aos mercados regionais. Os acordos de "complementariedade econômica" foram assinados dentro da estrutura estabelecida pela ALADI com a Bolívia (1993), Peru (1998), Colômbia (1993), Equador (1994) e Venezuela (1993). Dentro do quadro da ALADI, o Chile assinou com o MERCOSUL, um acordo de associação em vigor desde 1996, com objetivo de estabelecer uma gradual zona de comércio livre em 2006. No entanto, por causa da situação econômica de alguns vizinhos, os desejos chilenos de manter um nível de sua tarifa aduaneira (bastante inferior à do MERCOSUL) e de manter a autonomia de sua política de comércio exterior foram adiados.

Em 1999, o acordo de livre comércio foi assinado com a América Central (El Salvador, Honduras, Costa Rica e Guatemala). O trato de livre comércio entre o Chile e a EFTA (Islândia, Noruega, Supiça e Liechtenstein) entrou em vigor em 1 de dezembro de 2004. Neste mesmo ano, o Chile também assinou um acordo com os EUA. Este acordo tem estimulado o comércio de forma significativa, sem ter qualquer influência negativa nos fluxos de IDE. O acordo entre a UE e o Chile, chamado "Quarta Geração" - por causa de seu vasto campo de aplicação (dos capítulos políticos, econômicos, comerciais e de cooperação), é o mais ambicioso acordo comercial concluído até agora, já que inclui compromissos de liberação de serviços, especificamente os serviços financeiros, e medidas relativas ao investimento (pré-estabelecidas). Outros acordos comerciais incluem a Córeia do Sul (2004), China (2006), Canadá (1997) e México (1998). Em setembro de 2007, um acordo de livre comércio entrou em vigor com o Japão ( o terceiro maior parceiro comercial do Chile) e outro acordo de livre comércio entre o Chile a Austrália foi estabelecido em março de 2009. O Chile já assinou acordos comerciais com 21 outros países no Sistema Global de Preferências Comerciais de São Paulo (SGPC).
 

Principais países parceiros

Principais clientes
(% das exportações)
2023
China 39,4%
Estados Unidos 15,1%
Japão 7,2%
Coreia do Sul 6,3%
Brasil 4,5%
Ver mais países 27,5%
Principais fornecedores
(% des importações)
2023
China 23,2%
Estados Unidos 20,1%
Brasil 10,3%
Argentina 6,7%
Alemanha 3,3%
Ver mais países 36,5%

Fonte: Comtrade, 2023. Devido ao arredondamento, a soma das percentagens pode ser superior / inferior a 100%.

 
 

Principais produtos de troca

98,6 Bi USD os produtos exportados em 2022
Minérios de cobre e seus concentradosMinérios de cobre e seus concentrados 23,1%
Cobre afinado e ligas de cobre, em formas brutas ...Cobre afinado e ligas de cobre, em formas brutas (exceto ligas-mães de cobre da posição 7405) 18,6%
Carbonatos, peroxocarbonatos (percarbonatos);...Carbonatos, peroxocarbonatos (percarbonatos); carbonato de amónio comercial contendo carbamato de amónio 8,4%
Filetes de peixes e outra carne de peixes (mesmo...Filetes de peixes e outra carne de peixes (mesmo picada), frescos, refrigerados ou congelados 4,0%
Pastas químicas de madeira, à soda ou ao sulfato ...Pastas químicas de madeira, à soda ou ao sulfato (exceto pastas para dissolução) 3,0%
Ver mais produtos 42,9%
104,6 Bi USD os produtos importados em 2022
Óleos de petróleo ou de minerais betuminosos ...Óleos de petróleo ou de minerais betuminosos (exceto óleos brutos) e preparações não especificadas nem compreendidas noutras posições, que contenham, em peso, como constituintes básicos = > 70% de óleos de petróleo ou de minerais betuminosos (exceto os que contenham biodiesel e resíduos de óleos) 12,0%
Óleos brutos de petróleo ou de minerais...Óleos brutos de petróleo ou de minerais betuminosos 4,9%
Automóveis de passageiros e outros veículos autom...Automóveis de passageiros e outros veículos automóveis principalmente concebidos para transporte de pessoas (exceto os veículos automóveis para o transporte de = > 10 pessoas, incluindo o motorista, da posição 8702), incluídos os veículos de uso misto (station wagons) e os automóveis de corrida 4,9%
Veículos automóveis para transporte de mercadorias...Veículos automóveis para transporte de mercadorias, incluídos chassis com motor e cabine 3,5%
Gás de petróleo e outros hidrocarbonetos gasososGás de petróleo e outros hidrocarbonetos gasosos 3,2%
Ver mais produtos 71,5%

Fonte: Comtrade, 2023. Devido ao arredondamento, a soma das percentagens pode ser superior / inferior a 100%.

 
 

Parar saber mais, consulte o nosso serviço Fluxo Import-Export.

 

Principais serviços de troca

8,5 Bi USD os serviços exportados em 2022
47,20%
20,95%
12,00%
5,95%
4,57%
4,22%
3,59%
0,77%
0,77%
23,4 Bi USD os serviços importados em 2022
46,12%
12,48%
11,98%
11,52%
7,36%
5,67%
2,90%
1,75%
0,22%

Fonte: Divisão de Estatísticas das Nações Unidas, 2024. Devido ao arredondamento, a soma das percentagens pode ser superior / inferior a 100%.

Return to top

Alguma observação sobre este conteúdo? Fale conosco.

 

© eexpand, todos os direitos de reprodução reservados.
Últimas atualizações em Abril 2024